Arte Gazeta Digital

Por José Carlos Araújo

Tudo caminha para Mauro Mendes (PSB), candidato ao governo por Mato Grosso. Pelo menos são o que indicam as últimas pesquisas como a Gazeta Dados divulgada nesta quarta-feira, (22) de setembro.

Em apenas 32 dias os reflexos da incerteza de boa parte da população matogrossense parece indicar um novo rumo, e coloca em jogo a vantagem que Silva Barbosa (PMDB) tinha ou ainda tem, com grande risco em perder tudo.

A última rodada indica que Silva (PMDB) aparece com apenas 46% da preferência do eleitorado, já o candidato Mauro (PSB) saltou do terceiro para o segundo lugar com aumento de 5%, e soma segundo a mesma pesquisa com 26%.

Isso nos alerta quanto às mudanças que as eleições de Mato Grosso podem sofrer nessa reta final.

A quem diga que o segundo turno já esta garantido, pelo fato de que Wilson (PSDB) que antes era o segundo colocado e atualmente ocupa a terceira posição nas pesquisas, já é declarado apoio a Mauro.

Sendo assim levamos em conta a seguinte situação, se dos quase 30% dos indecisos seguirem rumo a Mauro, a quem duvide mas acredita que o Palácio Paiaguás poderá ser comandado pelo próprio Mauro.

A mesma pesquisa analisou também a espontânea, e segue a seguir trecho reproduzido da site Gazeta Digital, onde diz que, “Espontâneo – Na pesquisa espontânea, que se difere da estimulada, porque o eleitor diz sem qualquer indução o nome de seu candidato, Silval Barbosa (PMDB) atinge 31% da votação. Seis pontos percentuais atrás e em segundo lugar, estão Mauro Mendes, com 15%. Wilson Santos obteve 10% e Marcos Magno não pontuou. Nesta modalidade, brancos e nulos totalizam 2% e o total de indecisos salta a 42%”.

Com margem de erro de 3% para mais ou para menos, o Gazeta Dados esteve em 40 municípios e registrou a pesquisa sob o número 36.715/2010 no Tribunal Regional Eleitoral (TRE/MT).