Por José Carlos Araújo

O mundo se lembra do Pastor Von Helder da Igreja Universal do Reino de Deus, que chutou em (12) de outubro de 1995 a imagem de Nossa Senhora Aparecida durante um programa de TV daquela madruga em São Paulo. A imagem chocou o mundo.

As frases usadas pelo mesmo estão na memória dos católicos até hoje.

O pastor dizia repetindo várias vezes as frases, “Deus não pode ser comparado a um boneco tão feio como este, tão horrível e tão desgraçado”.

Pastor chutando Nossa Senhora em 12 de outubro de 1995

A mesma Santa que o pastor chutou teria supostamente o salvado de um dor incurável no joelho esquerdo, o mesmo que chutou a imagem da Santa. O fato teria sido revelado pelo Vaticano dois anos depois da cena pitoresca do tal Pastor.

Agora foi a vez do estilista Romeno, Francesco De Molfetta, 31 anos, misturar suas obras com a fé cristã de todos os católicos em todo mundo.

A “palhaçada” foi publicada ontem dia (29) por um site francês, mostrando a exposição da imagem da Virgem Maria com um de seus modelos, ridicularizando a fé dos católicos e ao mesmo, o culto e a aparência da Santa.

Virgem Maria vestida de LV em Roma

Leia a reportagem neste link:

http://estilo.uol.com.br/moda/ultnot/afp/2010/07/29/o-diabo-veste-prada-mas-a-virgem-maria-usa-louis-vuitton.jhtm, e tente entender a audácia e a insanidade do artista da moda conhecida em todo mundo, a grife Louis Vuitton – LV.

Brincar com a fé parece esta se tornando cada vez mais comum. E muitos até a comercializam de várias maneiras.