Por José Carlos Araújo

Foi publicado no dia (17/07) pela Confederação Nacional dos Municípios – CNM, dados sobre mortes nos municípios brasileiros por arma de fogo. É alarmante quando ao acessarmos o link abaixo do órgão, nos deparamos novamente com Mato Grosso em um novo ranking.

O site trás as cinqüenta cidades brasileiras com maiores índices de utilização de armas de fogo nos crimes praticados.

Assusta-nos quando a mesma lista trás o pequeno município de Juruena, em Mato Grosso (localizado há 830 quilômetros) de Cuibaá. A cidade segundo a mesma pesquisa, representa uma taxa de 75% de uso de armas de fogo em homicídios praticados e registrados pelas autoridades do estado.

Por fim, assusta-nos ao saber que os dados foram fornecidos a partir da população e da média de óbitos de 2005, 2006 e 2007 de todos os municípios do país.

A estranheza não para por ai, o mesmo ranking nos fornece também nomes de outros dois municípios na mesma lista negra, Nova Ubiratã, em 43º lugar seguido de Itanhangá na 45ª posição, com taxas de 453,1% e 52,8% respectivos.

Aqui se queima, aqui se mata!

Foto extraída da internet

Acesse o link abaixo e veja a reportagem com os dados completos da pesquisa: http://www.cnm.org.br/institucional/conteudo.asp?iId=172250