Foto ilustrativa

Por José Carlos Araújo

Fui questionado pela diretora e apresentadora de um programa jornalístico (Meridional – FM) em Sinop norte de Mato Grosso, e onde sou repórter policial, sobre o que eu achava sobre a prisão de Bruno. Fui taxativo, curto e grosso. Parabéns a polícia do Rio e de Minas Gerais pela inteligência de saber diferenciar o atleta e ídolo do bandido e cruel.

Não tinha na hora outra resposta para dar a chefe do meu departamento. Eu até que tentei encontrar outra como bom flamenguista que sou, e antes, fã do goleiro Bruno.

O bom da história é que quase todos estão presos e devem pagar pela violência, a audácia, a crueldade e a frieza da execução da ex-amante do goleiro do clube rubro negro, Eliza Samudio.

Ela foi esquartejada e como se não bastasse parte do seu corpo foi jogado para cães ferozes. Dizem por lá que outra parte foi enterrada e concretada.

Os envolvidos: Bruno Fernandes “das Dores” Souza; Luiz Henrique Ferreira Romão – o “Macarrão”; Marcos Aparecido dos Santos – o “Bola”; um menor que tem apenas 17 anos; Dayane Rodrigues do Carmo Souza a esposa de Bruno;  Wemerson de Souza; Flávio Caetano de Araújo; Elenilson Victor da Silva e Sérgio Rosa Sales Camelo.

Uma lista de botar medo em qualquer “PCC” atualmente!

Ouça a Meridional FM de Sinop/MT por este link: http://www.portalmeridional.com